O papel do Capital Humano na retomada da economia

20 de outubro de 2020

20-10 site Artigo O papel do capital humano na retomada da economia - Juliano Bueno HC Consulting site
Entenda como o Capital Humano tem contribuindo para a retomada da economia.

O ano de 2020 tem sido um ano para entrar para a história em vários sentidos, muitos podem dizer que tem sido um ano ruim, outros um ano bom, mas a verdade é que este ano tem nos trazido uma série de aprendizados e que precisamos entendê-los.

No sentido da economia e da força de trabalho temos visto algumas coisas interessantes que quero compartilhar com vocês.

Os números de empregos formais têm crescido mês contra mês e isso se dá em grande parte porque tivemos algumas demandas represadas e que no segundo semestre, de forma crescente, voltaram a ser trabalhadas. Outro fato importante é o retorno das indústrias. Segundo dados da CNI (Confederação Nacional da Industria), o faturamento das indústrias cresceu 37,8% se comparado com abril/20, considerado o pico da Pandemia. Isso impacta diretamente no aumento de postos de trabalho que sobem nos últimos quatro meses consecutivos.

Neste cenário, ser assessorado por uma boa Consultoria de Capital Humano, que está atenta a estes movimentos do mercado farão com que sua empresa aproveite o bom momento do mercado e tenha profissionais certos nas posições certas. Aqui na HC Consulting, por exemplo, temos especialistas em R&S e que investem tempo para entender o que a empresa busca e qual a cultura da empresa, porque isso é crucial para ser assertivo neste processo de busca e seleção.

Foi notório também que mercado de tecnologia se manteve em alta, uma vez que têm maior flexibilidade quanto a utilização de trabalho remoto e com a maior necessidade de tecnologia para estas frentes, este mercado, além de não ser tão impactado em grande parte teve aumento na sua demanda.

O mês de julho já começou a demonstrar uma recuperação nos números que vinham negativos desde abril, ou seja, os números de demissões eram maiores que as contratações. Este impulsionamento foi devido aos movimentos da Indústria de Transformação, seguidos pela Construção, Comércio e Agricultura. Estas atividades econômicas voltaram a registrar crescimento no número de empregos formais e que já passam a impactar positivamente todas as regiões do Brasil.

Outro ponto importante desta retomada está relacionado as novas formas de trabalho que passaram a ganhar força, como a possibilidade de trabalhos intermitentes e jornadas de tempo parcial. Do ponto de vista da empregabilidade, o profissional deve também estar atento a estas mudanças rápidas que o mercado está criando para não ter o risco de ficar obsoleto. Em nossa consultoria, auxiliamos profissionais para identificar estas habilidades e os “skills” necessários para estarem atualizados. Temos diversas formas que apoiar neste sentido, com o emprego de ferramentas e técnicas de coaching de carreira.

Com relação ao tipo de contratação, nos últimos meses percebemos um aumento na busca de profissionais para trabalhar no regime de contratação PJ, principalmente em posições de média e alta gerência/direção. Isso vem linha com o que o mercado já anunciava há alguns anos, de que haveria uma mudança nas relações de trabalho até 2030, onde o profissional será contratado para desenhar e implantar projetos e resultados.

O fato é que as coisas mudam numa velocidade galopante e a única certeza que temos é de que nada será como antes.

As empresas têm se reinventado, mudado sua forma de atuação. Aquelas que achavam que era impossível ter seu negócio sendo realizado de forma remota, estão percebendo que sim, é possível. Que criar alternativas até então não concebidas, diante da necessidade, foram concebidas, e isso está criando um novo mundo do trabalho que não sabemos ao certo como será, mas que já temos uma boa noção. Haja vista que, segundo pesquisa na Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade (FEA) da USP, 70% dos brasileiros gostariam de continuar trabalhando em casa. Apenas 19% afirmaram que não gostariam de permanecer no home office e 11% disseram ser indiferentes. A certeza que temos é de que não será mais como estávamos acostumados, o famoso “modelo tradicional”.

Na HC Consulting temos apoiado empresas a se adaptarem a estas novas realidades, seja trabalhando um sistema de remuneração mais eficiente, seja ajudando na forma de transformação cultural por meio de treinamentos, ou até mesmo trabalhando diretamente com o tomador de decisão no papel de mentor ou conselheiro.

Este ciclo de transformação impacta a todos, seja aqueles que geram os empregos, que começam a perceber que precisam de novas habilidades para fazer o que precisa ser feito para o crescimento e manutenção do seu negócio, como impacta diretamente nos profissionais que também precisam se adaptar ao novo e desenvolver novas habilidades para se ajustar a esta nova realidade.

O bom de tudo isso é que percebemos que não estamos estagnados e sempre há espaço para crescer, fazer de forma diferente e estar em movimento.


..

HC Consulting, a evolução do Capital Humano. #makingthedifference

..


Ficou com alguma dúvida? Entre em contato conosco.
Imagem de perfil de Juliano Lopes Bueno

escrito por:

Juliano Lopes Bueno

Profissional com 15 anos de experiência na área de Recursos Humanos, adquirida no segmento
de Serviços e Varejo (indústria financeira). Com forte atuação no alinhamento das estratégias e ações
de RH em parceria com as áreas de Negócio, teve participação ativa na transformação de RH por
meio da implantação de projetos globais.
Possui sólidos conhecimentos nos subsistemas de RH, tendo trabalhado com atuação generalista
além da liderança de equipes multifuncionais.
Atualmente, é Diretor Regional de Santa Catarina pela HC Consulting.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *